Zootécnica de Chobela projecta meios de produção de receita

A ESTAÇÃO Zootécnica de Chobela (EZC), no distrito de bMagude, província de Maputo, está a desenhar projectos bque permitam a produção de receita, a partir de recursos ali existentes, tendo em vista aliviar o Estado nas despesas para o seu funcionamento.
Trata-se de uma unidade experimental do Instituto de Investigação Agrária de Moçambique (IIAM) criada com objectivo de gerar tecnologias sustentáveis para o desenvolvimento da produção agro-pecuária nas comunidades dentro do seu raio de cobertura.

De acordo com Avelino Nhate, chefe da EZC, a ideia debgerar receitas nesta instituiçãobde investigação em tecnologia agro-pecuária surge do apelo feito por Vitória Diogo, secretária de Estado na província de bMaputo, aquando da sua visita bde trabalho àquele centro, na semana passada. Nhate contou que Vitória Diogo orientou para o desenho de um plano visando melhorar as condições do centro, passando pela produção de receitas para suportar as despesas.
O chefe da EZC disse ao “Notícias” que a instituição que dirige vai elaborar um esboço do plano de actividades contemplando a componente extensão e produção de receitas a ser submetida à aprovação das instâncias superiores.

Explicou que o processo deve seguir estes trâmites porque, desde a sua fundação, em 1917, a estação nunca teve fins lucrativos, apostando na investigação e treinamento em tecnologias de agro-pecuária, produção de conhecimento e soluções tecnológicas para o desenvolvimento sustentável do agro-negócio,nsegurança alimentar e nutricional. Indicou que, por enquanto, existem três formas de gerar dinheiro, nomeadamente natravés da venda de leite, feno e  gado descartado.

Afirmou que neste momento a EZC desenvolve actividades dinamizadoras da agro-pecuária, através do fornecimento de conhecimento técnico aos produtores bfamiliares e comerciais, monitorando os recursos e testando novas tecnologias. Referiu ainda que é da responsabilidade do centro disponibilizar material genético animal e vegetal aos produtores locais. A EZC conta actualmente com 470 animais, sendo 31 búfalos, 150 bovinos de corte, 40 vacas leiteiras, 175 caprinos e 74 ovinos.