Governo expande centros de exportação de minerais

Governo expande centros de exportação de minerais
Jornal Noticias

MAIS entrepostos comerciais visando a certificação de diamantes, pedras preciosas e gemas vão ser instalados no país, como forma de permitir a circulação legal destes produtos no mercado. Para efeito, o Ministro dos Recursos Minerais e Energia, Carlos Zacarias, inaugurou ontem, na cidade de Chimoio, província de Manica, o primeiro entreposto comercial, onde funciona em instalações próprias, a Unidade de Gestão do Processo de Kimberley, Metais Preciosos e Gemas.

Este processo é um mecanismo internacional que permite a venda, no circuito legal de diamantes e pedras preciosas que tenham sido extraídos legalmente mediante certificação para impedir a comercialização dos chamados “diamantes de sangue”, produzidos em zonas de guerra e destinados a alimentar conflitos.

 Falando no acto da inauguração, o governante disse que com esta infraestrutura quer ver facilitadas as ações de exportação ou importação de diamantes em bruto, metais preciosos e gemas na província, em particular, e no país em geral.

Segundo o ministro, através dos entrepostos comerciais, a sua instituição pretende garantir que seja feita a avaliação, pesagem, selagem e emissão do certificado de origem e autorização de exportação de produtos minerais. “Com o presente acto, lançamos a pedra angular para o arranque de mais empreendimentos estruturantes, principalmente no campo de adição de valor aos nossos recursos minerais dentro do país, que vão impulsionar o desenvolvimento industrial e económico”, disse o ministro dos Recursos Minerais e Energia.

De acordo com a fonte, a sua instituição, através da Unidade de Gestão do Processo Kimberley, Metais Preciosos e Gemas, tem estado a implementar um vasto programa de instalação e modernização das infraestruturas para responder à crescente demanda dos serviços de exportação de metais preciosos e gemas. Carlos Zacarias exortou os titulares do subsector de metais preciosos e de gemas, para que, desde já, desfrutem dos serviços e de todas as facilidades que serão fornecidas neste entreposto comercial, totalmente equipado para atender as empresas locais.

 Referira-se que o entreposto comercial ora inaugurado é composto por brigadas técnicas que integram peritos dos ministérios dos Recursos Minerais e Energia, Indústria e Comércio, Economia e Finanças, através da Autoridade Tributária, do Interior através da Polícia de Proteção dos Recursos Naturais e Meio Ambiente.

 A cerimónia contou com a presença de vários quadros das instituições tuteladas pelo Ministério dos Recursos Minerais e Energia do nível central, membros do governo provincial, empresas mineiras que operam em Manica, entre outros intervenientes na cadeia de recursos minerais.

Fonte: Jornal Noticias