Etíope vence Maratona de Seul

O ETÍOPE Mosinet Geremew, vice-campeão mundial da maratona, venceu domingo a Maratona de Seul, com o tempo de 2h04m43s, batendo o seu compatriota Herpasa Negasa por quatro segundos e o brasileiro Daniel Ferreira do Nascimento por oito. Geremew acabou por comprovar por que razão era
apontado como favorito a cortar a meta em primeiro lugar.

Mas os aplausos foram também em grande medida para o atleta brasileiro que bateu o recorde
sul-americano, estabelecendo a melhor marca de todos os tempos conseguida por um atleta não africano.

O novo recordista sul-americano estreou-se na maratona no ano passado, em Lima, com o tempo de 2h09m05s, que o qualificou para os JO de Tóquio, onde desistiu devido a uma lesão muscular. Voltou a correr os 42.195 metros em Dezembro, em Valência, sendo 11.º com 2h06m11s. Em femininos, duas atletas correram na casa das 2h18m. Venceu a romena (de origem queniana) Joan Chelimo Melly em 2h18m04s, seguida da etíope Sutume Asefa Kamede a oito segundos e da bahrenita Eunice Paul a 1m58s.