Eduardo dos Santos rebate rumores sobre a sua saúde

O ESTADO de saúde de José Eduardo dos Santos, antigo Presidente de Angola, gerou crispação entre a família, que se queixa de “abusos” e ingerência externa e a presidência angolana, que remeteu informações sobre o ex-presidente apenas para um médico. Na semana passada, vários meios de comunicação social angolanos noticiaram um agravamento do estado de saúde do antigo chefe de Estado, o que estará na origem de divergências entre alguns seus familiares e o governo angolano.

Numa nota divulgada esta terça-feira pela presidência angolana e assinada pelo ex-estadista, Eduardo dos Santos alega que João Afonso é o seu médico pessoal, que o acompanha há 16 anos, em quem tem “a máxima confiança”, e é “a única entidade autorizada a falar” sobre o seu estado de saúde.