COM PROJECTO DE PRAÇAS FINANCEIRAS ”BM dá impulso à literacia financeira”

O GOVERNADOR do Banco de Moçambique (BM), Rogério Zandamela, afirmou esperar que o projecto das Praças do Metical traga resultados positivos para a literacia financeira, uma das grandes apostas do Banco Central, particularmente no domínio da sua responsabilidade social. Zandamela falava, ontem, na cidade de Lichinga, província do Niassa, durante a cerimónia de inauguração da Praça do Metical naquela autarquia. A construção da praça enquadra-se num conjunto de iniciativas que o Banco de Moçambique tem vindo a desenvolver, por forma a contribuir para a valorização do Metical, a moeda nacional, tida como símbolo da conquista, história e identidade nacional.

Segundo Zandamela, com a inauguração da Praça do Metical, a quarta do país, pretende-se enaltecer a moeda, o Metical, apelando à sua valorização e conservação. O local onde foi implementado o projecto era um jardim infantil, facto que sensibilizou o banco a incluir espaços de lazer para crianças.
“O local onde nos encontramos foi o jardim infantil desta cidade. E porque não poderíamos perder esta componente recreativa, incluímos, nesta praça, para além dos espaços verdes, bancos de repouso e candeeiros de iluminação, uma área de jogos infantis que irá proporcionar às nossas crianças momentos de diversão e lazer”, esclareceu.

Por seu turno, o president do município de Lichinga, Luís Jumo, expressou sentimentos de gratidão principalmente porque o “BM presenteou as crianças da autarquia com espaço de recreação infantil”, naquela que classificou de “Praça do Metical mais bonita  e deslumbrante do país”. Luís Jumo endereçou palavras de apreço ao governador do BM, pelo seu contributo, através desta iniciativa, no resgate da beleza da cidade de Lichinga, tendo ainda se comprometido a tudo fazer para cuidar do espaço e preservá-lo.
Houve ainda momentos de troca de brindes, sendo que o governador do BM ofereceu ao autarca uma agenda de trabalho e um acrílico de Metical, tendo este, por sua vez, oferecido ao autarca sete variedades de feijão.
Participaram no evento os administradoras do BM Felisberto Navalha e Silvina de Abreu, directores, gestores e técnicos do bancco e quadros daquela autarquia.