Argélia prende opositor

O POLÍTICO da oposição e ex-candidato à presidência da Argélia em 2019 Rachid Nekkaz foi preso domingo juntamente com o advogado e outro activista, por apelar a açcões pacíficas de protesto, informaram organizações de direitos humanos no país. O Comité Nacional para a Liberdade dos Detidos (CNLD), por motivos políticos, especificou que o mandado de prisão foi expedido depois de um protesto ter sido convocado em frente à prisão de Chlef, que incluiu a distribuição de panfletos para exigir a libertação de “presos políticos”, nomeadamente detidos por participação no movimento de oposição pró-democracia Hirak, de base popular. O tribunal da cidade de Chlef, a oeste de Argel, também ordenou esta medida contra o advogado Abdelkader Chohra e o activista Hamza Djabri, acrescentou a mesma fonte.