VI CONFERÊNCIA NACIONAL: ACLLN renovada sob o signo de “união e coesão”

A ASSOCIAÇÃO dos Combatentes da Luta de Libertação Nacional (ACLLN) elegeu ontem novos órgãos, com destaque para Fernando Faustino, candidato único à sua própria sucessão no cargo de secretário-geral da agremiação. O acto eleitoral teve lugar no decurso da VI Conferência Nacional da associação, que contou com a participação de cerca de 500 personalidades, entre delegados e convidado  de todo o país.

O evento foi antecedido da realização, no domingo, da IV Sessão Ordinária do Comité Nacional, da qual saíram os documentos submetidos à apreciação dos conferencistas.

Cânticos recordando os momentos áureos da revolução e danças ao som do batuque emprestaram um verdadeiro ambiente de festa à chamada“sala das grandes decisões” do partido Frelimo, na Matola.

Antes mesmo da aprovação da agenda do dia, os veteranos da luta de libertação nacional tiveram o privilégio de ouvir mensagens de saudação apresentadas pelas diferentes organizações filiadas à Frelimo, todas elas encorajando os combatentes a nunca vergarem na sua luta, tal como o fizeram quando combatiam pela libertação da pátria do jugo colonial.

Ainda que se tenham destacado os elogios aos considerados “Jovens de 25 de Setembro”, as palavras “união” e “coesão” dominaram a reunião mais importante da Associação dos Combatentes da Luta de Libertação Nacional, que se realiza de cinco em cinco an